7 de set de 2009

Aquele abraço


Aquele Abraço é uma canção do cantor e compositor Gilberto Gil composta em 1969 que homenageia pessoas e figuras cotidianas do Rio de Janeiro além de ser um deboche ao quartel militar localizado no bairro de Realengo, onde foi preso durante a Ditadura. O "abraço" descrito nesta música remete aos braços do Cristo Redentor que abençoa toda a cidade. Gil escreveu a música durante seu exílio em Londres, e simboliza também, sua chegada novamente ao Rio, após o exílio.



O Rio de Janeiro

Continua lindo

O Rio de Janeiro

Continua sendo

O Rio de Janeiro

Fevereiro e março...

Alô, alô, Realengo

Aquele Abraço!

Alô torcida do Flamengo

Aquele abraço!...(2x)

Chacrinha continua

Balançando a pança

E buzinando a moça

E comandando a massa

E continua dando

As ordens no terreiro...

Alô, alô, seu Chacrinha

Velho guerreiro

Alô, alô, Terezinha

Rio de Janeiro

Alô, alô, seu Chacrinha

Velho palhaço

Alô, alô, Terezinha

Aquele Abraço!...

Alô moça da favela

Aquele Abraço!

Todo mundo da Portela

Aquele Abraço!

Todo mês de fevereiro

Aquele passo!

Alô Banda de Ipanema

Aquele Abraço!...

Meu caminho pelo mundo

Eu mesmo traço

A Bahia já me deu

Régua e compasso

Quem sabe de mim sou eu

Aquele Abraço!

Prá você que meu esqueceu

Ruuummm!

Aquele Abraço!

Alô Rio de Janeiro

Aquele Abraço!

Todo o povo brasileiro

Aquele Abraço!...

(...)


-Ruan Teixeira

2 comentários:

  1. A música é linda. Parece uma homenagem, mas apresenta críticas sociais interessantes.
    Vamos comentar?
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Ficou preso em realengo, nos meses de fevereiro e março. O abraço é para um primeiro tenente que permitiu que ele saísse da sua cela e cantasse nos fins de semana em que eles estava como oficial de dia... e pra vc que me esqueceu hummmm! aquele abraço...

    ResponderExcluir

Gostou da postagem? Comente!